Você está em: Página Inicial >> Noticias >> Coritiba

Coritiba encara maratona de julgamentos nesta quinta-feira

Coritiba encara maratona de julgamentos nesta quinta-feira -

Nesta quinta-feira, 19, o advogado Itamar Côrtes, da Scopo Sports e que defende o Coritiba nos tribunais, terá uma missão difícil. O Alviverde é réu em três processos. O primeiro deles acontece no Rio de Janeiro, no começo da tarde e, os outros dois, em Curitiba, já no início da noite. “Vai ser uma maratona, uma correria, mas o Coritiba deu total estrutura para que tudo funcione bem”, comentou Côrtes.

O primeiro julgamento ocorre a partir das 13h30, no Superior Tribunal de Justiça Desportiva, no Rio de Janeiro. Neste caso, Itamar Côrtes acredita que o clube deve sair com um bom resultado. Na ocasião, será julgado o caso em que a Federação Paranaense de Futebol exigiu o empréstimo do Couto Pereira ao Atlético Paranaense.

No TJD-PR, o Alviverde ganhou a causa, mas a procuradoria entrou com um recurso. “O Coritiba espera que a decisão seja mantida. A ação perdeu o objeto, uma vez que o Atlético está usando o estádio do Paraná Clube. Além disso, o Coritiba entende que deve ser absolvido porque não tem fundamento legal o pedido da Federação”, explicou.

E do Rio de Janeiro direto para o TJD-PR, em Curitiba, onde o julgamento tem início às 19h. Porém, na capital paranaense, Itamar Côrtes deve defender o Coritiba em duas pautas: a questão da torcida única no clássico e uma ação da procuradoria do Estado sobre o plano de segurança do clube.

“No primeiro caso, entendemos que o Coritiba respeitou o estatuto do torcedor e tudo foi feito corretamente. A carga dos ingressos é uma possibilidade, um direito e não um dever”, disse. No primeiro julgamento, os clubes foram absolvidos, porém a procuradoria optou pelo recurso.

Já o segundo caso é mais complexo, uma vez que o clube entende que não deve ser responsabilizado. A procuradoria quer que a dupla Atletiba e a Federação apresentem um plano de segurança para o clássico

“Mas quem cuida da segurança é a polícia militar. De qualquer maneira, o Coritiba já juntou os documentos informando o necessário para os órgãos públicos responsáveis”, revelou Côrtes, que espera um dia de resultados positivos. “Três julgamentos em duas cidades diferentes é uma coisa inusitada, mas estamos preparados para sair com resultados positivos em todos eles”, finalizou.

Esquema armado pelo clube
Para conseguir realizar a defesa no Rio de Janeiro e, posteriormente, os casos em Curitiba, o Alviverde já se preparou. Apesar de os casos serem de responsabilidade do advogado Itamar Côrtes, o departamento jurídico do Coritiba já está alertado e o advogado Lucas Pedrozo deve ir ao TJD-PR também. O diretor jurídico do clube, Gustavo Nadalin, explica. “O Coritiba preparou a logística para o Dr. Itamar Côrtes participar dos dois julgamentos, mas caso não consiga chegar a tempo, ele já passou as informações para o Dr. Lucas Pedrozo.. O Coritiba acredita em êxito nos três processos, pois estaremos bem defendidos, de uma forma ou de outra”, disse.
Backstage Comunicação


divulgue o futebolparanaense.net facebook twitter Compartilhe



Enquete

O Coritiba acertou em renovar com o técnico Carpegiani?
Sim
Não



Total de votos: 984

Ver resultados parciais

Coloque as noticias do futebolparanaense.net no seu blog
Google+ FACEBOOK TWITTERRSS