Você está em: Página Inicial >> Noticias >> Parana

Defesa consegue efeito suspensivo para diretores paranistas

Defesa consegue efeito suspensivo para diretores paranistas - Foto: Geraldo Bubniak - arquivo
Foto: Geraldo Bubniak - arquivo

Nesta quarta-feira, 24, a auditora relatora do Tribunal de Justiça Desportiva do Paraná, Lis Caroline Bedin, concedeu o efeito suspensivo das penas impostas a diretores do Paraná Clube.

Sendo assim, o gerente de futebol Alex Brasil e o supervisor Fernando Leite podem trabalhar normalmente e a multa importa ao clube, a princípio está suspensa, até novo julgamento. O pedido de efeito suspensivo foi realizado pelo advogado Itamar Côrtes, da Scopo Sports, que defende o Paraná Clube nos tribunais desportivos.

De acordo com o despacho do efeito suspensivo, Bedin diz que “em decorrência do cumprimento parcial das medidas disciplinares aplicadas; da possibilidade de sua alteração; e do prejuízo que este cumprimento antecipado gera aos recorrentes, concedo o efeito suspensivo ao presente recurso”.

O gerente de futebol Alex Brasil havia sido suspenso por 105 dias, enquanto o supervisor Fernando Leite recebeu como pena, 30 dias de suspensão. O Paraná Clube foi multado em R$ 4 mil. Todas as punições estão suspensas até novo julgamento.

Luis Carlos
Na noite desta quarta-feira, 24, houve também o julgamento do goleiro paranista Luis Carlos, que foi expulso ao cometer um pênalti na partida diante do Rio Branco, pelo Campeonato Paranaense. Com defesa do advogado Itamar Côrtes, da Scopo Sports, o arqueiro foi absolvido por unanimidade de votos.


divulgue o futebolparanaense.net facebook twitter Compartilhe



Enquete

O Coritiba acertou em renovar com o técnico Carpegiani?
Sim
Não



Total de votos: 920

Ver resultados parciais

Coloque as noticias do futebolparanaense.net no seu blog
Google+ FACEBOOK TWITTERRSS