Você está em: Página Inicial >> Noticias >> Apucarana

Apucarana vai disputar Taça FPF no “Olímpio Barreto”

Apucarana vai disputar Taça FPF no “Olímpio Barreto” -

Depois de disputar o Campeonato Paranaense da Divisão de Acesso de 2015 em Arapongas e a mesma competição em 2016 em Londrina, o Apucarana Sports voltará a mandar os seus jogos no Estádio Municipal Olímpio Barreto (Bom Jesus da Lapa), em Apucarana, a partir do dia 17 de julho, quando se inicia a Taça Federação Paranaense de Futebol (FPF), pela categoria sub-23. A informação foi dada por telefone pelo presidente do clube, Gilberto Ponce, nesta sexta-feira para a reportagem do Jornal Tribuna do Norte.

Ele disse que na última quarta-feira à tarde esteve reunido com o prefeito de Apucarana, Beto Preto, que acabou liberando a praça esportiva apucaranense para que a equipe dispute a competição estadual. Neste ano, Ponce já havia tentado mandar os jogos da Divisão de Acesso no “Olímpio Barreto”, mas como os laudos necessários estavam vencidos junto a FPF, ele não teve tempo para regularizá-los. Por isso, teve que sediar as partidas do clube no Estádio Vitorino Gonçalves Dias (VGD), em Londrina. Atualmente, o Apucarana Sports está participando do Campeonato Paranaense Sub-15, mandando as suas partidas no estádio da Vila Santa Terezinha em Londrina.

O clube foi fundado no dia 30 de maio de 2014, numa parceria de Ponce com o empresário Sérgio Kowalski, presidente do Roma, time que está licenciado junto a FPF há três anos.

Em 2014, jogando o Paranaense da Divisão de Acesso em Apucarana, o Apucarana Sports terminou o campeonato na quinta colocação numa competição que reuniu oito agremiações. Subiram para a Primeira Divisão os times do Futebol Clube Cascavel e do Nacional, de Rolândia.

No ano passado a equipe de Ponce, sem Kowalski na diretoria, se transferiu para Arapongas e tentou mudar o nome do clube para Grêmio Esportivo Araponguense. Mas sem dinheiro não conseguiu fazer a troca de nome junto a FPF e teve que jogar na vizinha cidade como Apucarana Sports. Na Segundona de 2015, a equipe foi eliminada na fase semifinal pelo PSTC Procopense e terminou a competição em quarto lugar. O certame teve a presença de dez times, com PSTC e Toledo conseguindo o acesso para o futebol de elite do Estado.

Sem apoio em Arapongas por estar jogando como Apucarana Sports, o dirigente mudou o time para Londrina e mandou os jogos da Segundona de 2016 no VGD. Nesta competição, o clube foi desclassificado nas quartas de final pelo Grêmio Maringá.

Ex-presidente do Cincão Esporte Clube e empresário em Londrina, Ponce não disse, mas teria se arrependido das trocas de sedes que ele fez nas últimas temporadas no futebol. Agora tenta corrigir o erro que ele cometeu em 2015,quando se transferiu para Arapongas.

Na Taça FPF, que vai começar no dia 17 de julho e tem o seu término em 9 de outubro, o Apucarana Sports terá como adversários Cianorte, Foz do Iguaçu, Grêmio Maringá, Portuguesa Londrinense, Operário, de Ponta Grossa, e Andraus. O Paranavaí desistiu da competição.

Na primeira fase as equipes jogam entre si em turno único, passando todos os times para as quartas de final. Os jogos serão realizados aos domingos, às 11 horas, com uma partida por rodada sendo transmitida ao vivo pela Tevê Educativa. O campeão da Taça FPF ganha o direito de disputar o Campeonato Brasileiro da Série D em 2017.

Prefeito confirma jogos no estádio
O prefeito Beto Preto, de Apucarana, confirmou ontem que esteve reunido com Gilberto Ponce na quarta-feira e disse que o Estádio Olímpio Barreto foi liberado para o Apucarana Sports sediar as suas partidas pela Taça FPF Sub-23.

“Estamos reaproximando novamente com o Apucarana. A equipe vai disputar uma importante competição no Estado e que vale vaga para o Campeonato Brasileiro da Série D de 2017”, destacou o prefeito.

Segundo Beto, em dia ainda ser definido por Ponce, a diretoria do clube vai fazer uma entrevista coletiva na cidade para apresentar as metas de trabalho para a sequência da temporada.

Quanto ao estádio, o prefeito destacou que o gramado está conservado, o muro recebeu nova pintura e que os refletores da praça esportiva receberam novas fiações. Com novos laudos que serão encaminhados para a FPF, Beto acredita que o estádio será liberado para a competição.

Fonte Tribuna do Norte - Raul Cesar dos Reis


divulgue o futebolparanaense.net facebook twitter Compartilhe



Enquete

O Coritiba acertou em renovar com o técnico Carpegiani?
Sim
Não



Total de votos: 903

Ver resultados parciais

Coloque as noticias do futebolparanaense.net no seu blog
Google+ FACEBOOK TWITTERRSS