Você está em: Página Inicial >> Noticias >> Coritiba

Com time misto Coritiba perde para Ponte Preta em Campinas

Com time misto Coritiba perde para Ponte Preta em Campinas - Foto: Divulgação
Foto: Divulgação

O Coritiba viajou até Campinas para enfrentar a Ponte Preta no Moises Lucarelli, em partida válida pela última rodada do Brasileirão. A equipe alviverde entrou em campo em busca de uma vaga para a Sul-Americana, mesmo com um time misto o objetivo era a vitória, mas ela não veio. O placar fechou em 2 a 0 para a Ponte, que teve sua melhor campanha no Campeonato Brasileiro.

Antes do apito inicial da partida, torcedores fizeram sua homenagem ao time da Chapecoense, entoando gritos de apoio e incentivo ao time catarinense. Além disso, a arbitragem marcou um minuto de silêncio pelas vítimas do acidente ocorrido na Colômbia.

Com o início do jogo, as duas equipes se estudavam, já que parte do elenco de ambas era composto por jovens jogadores da categoria de base. A Ponte Preta se sentiu à vontade dentro de casa e começou a pressionar. Aos 9 minutos a zaga alviverde se perdeu e quase deixou que a ponte abrisse o placar, mas o goleiro estreante, Rafael Martins, fez boa defesa e parou a jogada.

Aos 12 minutos, novamente o arqueiro coxa branca foi testado, Nino Paraíba cruzou para dentro da área, Pottker desviou, a bola bateu no goleiro alviverde, no zagueiro Walisson Maia e voltou para o goleiro do Coxa. Nino Paraíba se movimenta bem pelo lado da ponte e faz três lançamentos seguidos, mas a zaga do Coritiba cortou as jogadas.

Na segunda etapa, apenas Carpegiani promoveu mudanças no vestiário, deixando Júlio Rush, um dos estreantes da partida, no banco e trazendo o meia Carvalho. Aos 10 minutos, Zé Roberto arriscou de fora da área, a bola rebateu no chão e Rafael Martins não conseguiu segurar. A bola bateu no arqueiro e sobrou dentro da grande área, o goleiro saiu, mas acabou pegando os pés do atacante Willian Pottker

Na cobrança de pênalti, Pottker bateu forte e rasteiro no canto esquerdo, o goleiro reserva Willian Menezes pulou para o lado direito, convertendo o tento. Com este gol, o atacante da macaca se tornou artilheiro do campeonato junto com Fred.

Coritiba até tentou ir pra cima, mas 19 minutos, o goleiro William Menezes saiu para afastar a bola, Nino Paraíba aproveitou, cruzou e Ravanelli viu o gol aberto e de cabeça marcou o tento. O alviverde tentou a penetração com Vinicius e acabou chegando aos 36, mas Aranha espalmou pela linha de fundo. Próximo ao fim do jogo a equipe coxa branca bem que tentou reagir ao placar, Vinicius e Bernardo fizeram bons arremates, mas foram parados por Aranha em todas as tentativas.

Com o tropeço, o Coritiba encerra sua participação no Campeonato Brasileiro, ficando na 15ª posição, com 46 pontos somados. A equipe deu adeus a chance da vaga para a Sul-Americana, que contemplou os times que estavam até a 14ª colocação na tabela.

Veja a Classificação

PONTE PRETA 2 X 0 CORITIBA
Local: Estádio Moises Lucarelli – Campinas
Data: 11/12/2016
Horário: 17h

Público Pagante: 3.095
Renda: R$ 23.445,00

Árbitro: Francisco de Paula dos Santos Silva Neto (RS)
Assistentes: Lucio Beiersdorf Flor (RS) e Alexandre A Pruinelli Kleiniche (RS)

PONTE PRETA: Aranha (Ivan); Nino Paraíba, Antônio Carlos, Fábio Ferreira e Breno Lopes; Wendel, Matheus Jesue e Ravanelli (Léo Cereja); Rhayner, Zé Roberto e Pottker.
Técnico: Felipe Moreira

CORITIBA: Rafael Martins (Willian Menezes); Dodô, Walisson Maia, Romércio e Geovane; Ícaro, Julio Rusch (Carvalho), Yan (Ruy) e Bernardo; Iago e Vinícius.
Técnico: Paulo Cesar Carpegiani


divulgue o futebolparanaense.net facebook twitter Compartilhe



Enquete

O Coritiba acertou em renovar com o técnico Carpegiani?
Sim
Não



Total de votos: 938

Ver resultados parciais

Coloque as noticias do futebolparanaense.net no seu blog
Google+ FACEBOOK TWITTERRSS