Você está em: Página Inicial >> Noticias >> Tcw

Sem data para entrar em pauta, Toledo estuda recurso direto a instância superior

Sem data para entrar em pauta, Toledo estuda recurso direto a instância superior -

A Série Ouro do Campeonato Paranaense de Futebol já avança para a terceira rodada de sua segunda fase, que será disputada no fim de semana, mas desde o dia 21 de março, quando terminava a primeira, o Toledo Colônia Work (TCW) vive um impasse ainda sem data para terminar.

Isso porque há exatos 11 dias o clube do Oeste foi rebaixado para a Segunda Divisão do Estadual 2011 - com Engenheiro Beltrão, Nacional e Serrano - após perder por 2 a 1 para o Paraná Clube no Estádio 14 de Dezembro. No entanto, foi somente ao saber que tinha enfrentado o Engenheiro Beltrão (empate de 1 a 1, fora de casa), na rodada anterior, com o time da casa sem condições de receber a partida que decidiu recorrer ao Tribunal de Justiça Desportiva do Paraná (TJD-PR) para permanecer na elite do futebol no Estado.

A alegação do TCW, confirmada à reportagem de O Paraná pelo presidente do Engenheiro Beltrão, Luiz Linhares, é de que o adversário não havia pagado as taxas de arbitragem da partida contra o Serrano, no dia 27 de fevereiro, pela décima rodada da competição, não podendo, assim, ter enfrentado o Toledo, conforme prevê o artigo 22º do regulamento do Estadual.

Segundo o presidente do TCW, Irno Picinini, o pedido do clube deveria ter sido julgado semana passada pelo TJD-PR, mas o Tribunal adiou a decisão e ainda não definiu data para o processo entrar em pauta.

“Eles devem estar esperando a gente baixar a guarda ou deixar o caso esfriar, mas nosso Departamento Jurídico já estuda levar o processo direto a uma instância superior. Vamos aguardar uma definição até a próxima semana”, disse o dirigente, referindo-se ao Supremo Tribunal de Justiça Desportiva no Rio de Janeiro (STJD-RJ).

Ainda conforme o dirigente, a única coisa que o clube quer é que o regulamento seja obedecido, sem se preocupar com a maneira com que a Federação resolverá o caso se o STJD emitir parecer favorável.

“Em 2007, tivemos de disputar o Acesso a dez dias de começar na elite, com nossa tabela da Primeira Divisão divulgada, o time montado e o planejamento para disputar a competição todo montado”, lembrou Irno, em referência ao ano em que, ao invés de somente punir o União Bandeirante por atuar com jogadores irregulares na competição de 2006 - já que o time ficou acima do Toledo na tabela e não deveria cair -, a Federação optou por rebaixar três equipes ao invés de duas ou beneficiar os adversários do União com os pontos da partida. Naquela ocasião, caíram para o Acesso Francisco Beltrão, Toledo e União Bandeirantes, que encerrou suas atividades no mesmo ano.

Fonte: Jornal O Paraná - Fábio Donegá


divulgue o futebolparanaense.net facebook twitter Compartilhe



Enquete

O Coritiba acertou em renovar com o técnico Carpegiani?
Sim
Não



Total de votos: 933

Ver resultados parciais

Coloque as noticias do futebolparanaense.net no seu blog
Google+ FACEBOOK TWITTERRSS